Entrevista com o – Escritor Carlos Monteiro [Raquel Chagas]


Entrevista com o – Escritor Carlos Monteiro

por: Raquel Chagas


Carlos M. Monteiro-Um dia poetizei minha insanidade sentimental. Estranhei o fato de me olhar no espelho e, encontrar um silêncio. Eu tive uma formação na alma, totalmente regada aos princípios da sobrevivência.

Mas esta estadia seria apenas um presságio do que estava por vir... 

O imaginário do meu coração ganhava tanta força, que não tive mais controle.

Fui vencido e da derrota, regozijei das entranhas do meu pensamento, entrei em contato com o belo e o inútil. 

Eu gritava de uma forma diferente, tudo que nascia de mim, era abominavelmente esplêndido. 

Finalmente, eu reconheci as palavras. Hoje, admito! Escrevo para não morrer.  


Email: antologiadevir@gmail.com

A condensação entre fatos e ficção adentra em sua obra? Qual a dosagem quanto a ficção e realidade encontrada no livro ‘’ Mensageiros da Lucidez’’?

Os universos estão presentes desde a sua nascente. Ambos foram criados intencionalmente para mexer com o imaginário das pessoas. Quem adentrar nas palavras da obra indubitavelmente se transformará.

O que lhe inspirou a escrever o livro?

Inicialmente uma fuga da realidade, posteriormente uma necessidade. Os personagens me caçaram de tal forma, que minha experiência de vida ficou pequena demais para ser vivida. Portanto, hoje escrevo o que eu sinto na minha alma.

Como foi o processo de escrita, e a nascente de cada personagem?

Escrever os Mensageiros da Lucidez, foi uma oportunidade de auto reconhecimento para meu ser, a cada exploração eu sentia uma liberdade.

Os personagens foram nascendo aos poucos, cada um no seu momento. E quando criaram uma voz, eu dei passada para eles.

O que mudou em você após escrever este livro?

Mudanças ocorrem diariamente, mas depois deste livro, sei que minha vida não será mais a mesma. Não tem como ser mais o mesmo.

De onde nasceu a ideia do livro?

De vários escritos, como se minhas escritas fossem órfãs e quando veio os Mensageiros da Lucidez, encontraram sua família. Durante os estágios da copulação entre mente e ação, tudo foi emergindo e ganhando vida a cada parágrafo.

Qual o sentido do Título ‘’ Mensageiros da Lucidez’’ e porque ele foi escolhido?

Arrojar uma lucidez na humanidade, deixar claro que, todos podemos alterar o nosso percurso. Nada é…

O nome foi – me dado pelos personagens, para que assim, fosse criado um reino, para que os mensageiros pudessem explanarr sua lucidez.


Qual personagem lhe convém como preferido? Há esta distinção entre as personagens do livro?

Carteiro das lamentações, é o que eu mais me identifico. Suas palavras lavam minha alma.

Sobre todos os personagens, cada um tem sua personalidade, logo, veremos inúmeras características amargas dentre todos.

Houve muitos desafios quanto a publicação do livro MDL?

Tudo na vida existem dificuldades. Claro que, tive problemas no processo de edição, mas algo resolvido. Eu tenho que agradecer a Editora Dracaena, pela oportunidade de publicar com eles.

O grupo MDL, tem novas perspectivas de continuação?

Sim, uma saga. Com sete livros.  Exaltando um mundo sendo destruído por anjos.

Muito Obrigado,

Carlos Monteiro

 Mensageiros da Lucidez!
 
Autor: Carlos Monteiro
 
Gênero: Ficção , Contos

ISBN: 9788582180914

Nº de páginas: 112

Dimensão: 12X18
Mensageiro da Lucidez está disponível nas principais livrarias do país.

(clique aqui e confira).




Raquel Chagas-Gosto das utopias desenhadas na minha imaginação. Rabisco linhas no horizonte da porta chamada – felicidade!
Quero apenas ser feliz. Um dia, eu vi uma ilustração acabada, notei ali, que minha alma faltava algo... Sim, eu deveria pegar na ponta do lápis e terminar minha vida.
Já fui prisioneira do meu ego e, quase acreditei que nascia para morrer brevemente.
Enfim, e ufa! Aprendi que a vida é um amontoado de poesias vivas e incandescentes. E na sua plenitude, encontro os versos pontilhados na alma sentida.
Participou do projeto Antologia de contos Devir Campo Limpo.
Atualmente escreve para o blog,-
Regozido do Amor

0 comentários: