5 Autores Que Estão Hypados E Poderão Dominar O Mundo Editorial [Rafael Farias Teixeira]

5 Autores Que Estão Hypados E Poderão Dominar O Mundo Editorial


Esses nomes fizeram com que muitas pessoas voltassem a ler – ou descobrissem que livros ainda existem como forma de entretenimento – e criaram sectos de fãs quase tão leais quanto leitores de quadrinhos e tão chatos quanto adoradoras do One Direction.

Para avaliar cada um dos autores, criei a escala de um a cinco “Sparks”, inspirada por Nicholas Sparks, indubitavelmente o autor contemporâneo mais hypado. Que consegue transformar qualquer relacionamento pueril, romântico e pretensiosamente profundo em uma história produtora de milhões de dólares. Recentemente ele veio ao brasil para promover seu novo romance, “Uma Longa Jornada” – pausa para aguentar o título.

Vale lembrar que não estou querendo julgar a qualidade dos romances em si, mas mostrar como os autores conquistaram muitos fãs. 

Divirtam-se.

1. Chris Cleave


Autor e jornalista britânico, ele ficou conhecido pelo livro “Incendiário”, mas aumentou sua popularidade consideravelmente com “Pequena Abelha” e “Ouro”. Dica: você sabe que o autor está ficando hypado quando as capas dos seus romances têm um padrão de arte que ligam todos, para que o leitor possa identificá-lo mesmo sem lembrar do seu nome. “Olha o livro novo daquele cara que me vez chorar HORRORES com aquela história da refugiada africana…” Isso é exatamente o que está acontecendo com as obras de Cleave, que são ilustradas com essas silhuetas de rostos em preto.

Escala Sparks : 3. Apesar de ser hypado, os textos de Cleave ainda não ganharam aquela massificação digna de Sparks. Mas suas histórias humanas, estilo fácil de acompanhar prometem um futuro grandioso para o autor em toda e qualquer lista de mais vendidos.

(Picture: Darien Library)

2. John Green


Depois de “A Culpa é Das Estrelas”, não há nada que Green possa escrever que não vire ouro. Hoje quase toda adolescente – e qualquer pessoa com um coração – acredita e quer ter um amor como o de Augustus e Hazel. Depois desse estouro, livros como “O Teorema Katherine” e, o mais recente, “Cidades de Papel”, se tornaram blockbusters literários. Sem falar que “A Culpa…” já já virará um blockbuster cinematográfico também.

Escala Sparks: 5. Prepare-se, querido Nicholas, você encontrou um sucessor.
(Foto: Gage Skidmore)


3. Matthew Quick


Depois do sucesso estrondoso do filme inspirado em seu livro “O Lado Bom da Vida”, Quick foi projetado a autor queridinho de quem gosta de uma leitura fácil, divertida mas que toca alguns assuntos mais sérios e profundos. O cara até chegou a vir ao Brasil para lançar seu novo romance, “Perdão, Leonard Peacok”.

Escala Sparks: 3. Quatro para o público masculino. Ele foge um pouco da linha Sparks e envereda mais para escola Nick Hornby de fazer bestseller. Ainda assim, bem hypado.

(Foto: Wikimedia Commons)

4. David Nicholls


Com seu livro “Um Dia”, Nicholls conquistou todo mundo com um romance que tinha todas as probabilidades para nunca acontecer, mas que finalmente acontece. E aquele final – sem spoilers – mata até os mais desalmados dos leitores. Seu segundo livro lançado no Brasil, “A Resposta Certa”, também cativou muitos fãs, mas não acompanhou o sucesso do primeiro, apesar de ter sido publicado lá fora antes. Dica: as primeiras obras de um autor hypado só são lançadas no Brasil depois que sua obra mais hypada faz sucesso por aqui. Percebam.

Escala Sparks: 3. Tinha potencial de roubar o trono de Sparks, mas faltou uma obra que seguisse o sucesso de “Um Dia”.

(Foto: Wikimedia Commons)

5. Gillian Flynn


Essa é a moça que está dominando na área de romances. A escritora americana não sai da lista dos mais lidos com suas obras “Na Própria Carne”, “Dark Places” e principalmente “Garota Exemplar”. Com personagens femininos fortes e narrativa persuasiva, Gillian com certeza revigorou o hall de autoras contemporâneas.

Escala Sparks: 5. Girl power all the way. Sua popularidade com o publico feminino e outros é inegável e seus livros estão prontos para versões cinematográficas.

(Foto: Divulgação)

0 comentários: