Sem burocracia: confira os cinco destinos mais abertos do mundo [Nômades Digitais]

Sem burocracia: confira os cinco destinos mais abertos do mundo

por Nômades Digitais 

Esqueça a ideia de separar documentos, pegar filas e pagar taxas em consulados, postos da polícia federal e coisas do gênero. Nesses cinco destinos com fácil acesso tudo o que você precisa é a passagem aérea e disposição, visto que alguns deles são um tanto quanto longe.

Os exuberantes arquipélagos e ilhas citados abaixo, como Micronésia e Dominica, estão de braços abertos para quem quiser nadar nas suas águas cristalinas e aproveitar os dias de férias sem a chata da burocracia. O levantamento global de política de vistos de entrada e reciprocidade foi feito recentemente pela Organização Mundial do Turismo das Nações Unidas (OMT), concluindo que os países mais abertos do mundo ficam na Oceania e no Caribe.

Confira a lista abaixo e prepare suas malas:

Ilhas Cook


Conquistando o topo da lista com pontuação máxima (100), essas 15 ilhas formam um arquipélago isolado no meio do Oceano Pacífico. Por até um mês, é possível passear pelas praias desertas, praticar canoagem e curtir hotéis românticos sem ninguém te perturbando.

 Dominica


Dominica reúne diversidade em toda a sua extensão, onde é possível encontrar praias tipicamente caribenhas, montanhas e cachoeiras deslumbrantes. As influências locais passam pela França, África e cultura indígena, que os brasileiros podem conviver por até 21 dias, enquanto outras nacionalidades desfrutam entre três e seis meses. A ilha também ficou com pontuação máxima na lista.

Micronésia

Com belas atrações históricas, a Micronésia é, acima de tudo, enorme. São 2.900 km entre o leste das Filipinas e o norte de Papua Nova Guiné, reunindo 607 ilhas, ilhotas e atóis. Durantes os anos já foram feitas 194 alterações na política de vistos a fim de atrair mais turistas para o arquipélago, que é famoso por suas ruínas, cachoeiras, parques marinhos e praias que mais parecem um sonho.

Niue


Também com pontuação máxima, Niue já alterou suas regras burocráticas 195 vezes nos últimos três anos. Atualmente não há barreiras que te impeçam de curtir os corais que cercam a ilha, além da incrível caverna Avaiki.

Haiti


Entre os países que mais precisam de ajuda no mundo, o Haiti não parece muito atraente devido aos inúmeros conflitos e tragédias naturais que afligem o local. Nisso, as tais “portas abertas” figuram como um problema, porque isso certamente facilita e muito as invasões. Com 99 pontos no ranking da OMT, o país ainda reserva muitas belezas naturais devido sua localização, no coração do mar do Caribe. Cercada por um mar azul turquesa, areia branca fininha e vegetação abundante, o Haiti divide nossos corações.


Fotos: travelweekly, islands.com, davidlansing, haitibookings

0 comentários: