MÃE...[Mario Quintana]

MÃE... 

São três letras apenas,

As desse nome bendito:

Três letrinhas,nada mais... 

E nelas cabe o infinito

E palavra tão pequena-confessam mesmo os ateus-

És do tamanho do céu

E apenas menor do que Deus! 

Mario Quintana 



MARIO QUINTANA-Nascido em Alegrete, em 30 de julho de 1906, o poeta gaúcho Mário Quintana tornou-se um dos principais escritores brasileiros do século XX.

Seus primeiros textos foram publicados na revista Hyloea, do próprio colégio em que frequentava, o Colégio Militar de Porto Alegre, onde estudou por cinco anos.



As principais características dos seus textos são a linguagem simples, clara, que fala de sentimentos e faz alusões ao cotidiano. Fala do amor, das tristezas, da infância, da morte, dentre outros.

 

0 comentários: