Ita Portugal [Pedagoga e Escritora Brasileira]

Ita Portugal é maranhense, pedagoga e aprendiz, apaixonada pelos acordes literários de Gabito Nunes, Caio Fernando Abreu, Mario Quintana, Martha Medeiros, Clarice Lispector e Rubem Alves.

São esses alguns escritores que fazem Ita buscar um horizonte mais lúcido, alargar a sua casa de sonhos, gritar continuamente pela liberdade e acreditar que pode devolver ao mundo tonalidades de alegria. Entre dias e noites, escreve e confessa que o faz para deixar-se viver.

Seu primeiro livro, Certas Incertezas, bem aceito pelos leitores, encorajou-a para fazer o segundo, Homens, Mulheres, Amores, em que trata sobre amores que são seus, delas, deles e de todos.

Gosto de gente por inteira e que como eu, muda sempre que for preciso, mas nunca se dá pela metade. Espere sempre isso de mim. Alegria pra mim tem que ser completo, o choro tem que ser as bicas. Sou exagerada por natureza, por isso se for me abraçar que seja bem forte e bem intenso. Meus sonhos são imensos e se misturam com realidade de tal forma que me atrapalho. Queria ser melhor, mas faço o que posso. Apesar de tudo, meu coração é de açúcar. Se brigo, no mesmo instante me arrependo e volto atrás. Gosto muito de tocar o coração e da mesma forma um afago me derrete. Um dia, estou triste e no outro, novinha em folha e ainda me emociono com flores, carinho, bondade, amor. Experimente me entender, neste emaranhado de coisas. E pra findar a conversa, eu sou essa garota de amor completo, de vontade escancarada, de poucos acertos, muitas loucuras, endereço certo, vida incerta. Tomei a decisão de colaborar com a minha história e tentar fazer bonito mesmo errando; porque a minha vida é a única coisa que me pertence e ninguém tem a responsabilidade de vivê-la para mim, a não ser eu.

Um pouco de Ita Portugal... 

Eu sou otimista. Sou. Sempre fui. Isso é uma decisão pessoal, intransferível e irrevogável. Eu acredito que tudo vai passar, que há outras opções, que nada está perdido e que ainda há um jeito. Esta é a minha escolha, exatamente porque acho as coisas da vida são muito complicadas. Sendo otimista pelo menos eu posso relaxar um pouco e acreditar que tudo pode melhorar, apesar de. Na pior das hipóteses eu diminuo as rugas e evito o stress."


"Feliz é quem consegue superar suas dores, executar seus projetos, ter liberdade para dizer o que pensa, declarar-se livre de dependências afetivas, transitar bonito pela vida. Feliz é quem consegue respeitar seus limites, amar a si mesmo primeiro e fazer escolhas conscientes."


"Na melhor das hipóteses eu sou a sucessão de erros tentando acertar. Então, não procure perfeição em mim. Não me faça cobranças. Se há algo a olhar, as cicatrizes representam as minhas sinceras tentativas para tornar-me melhor."


"Tomei a decisão de colaborar com a minha história e tentar fazer bonito mesmo errando; porque a minha vida é a única coisa que me pertence ninguém tem a responsabilidade de vivê-la para mim, a não ser eu."


Site:http://itaportugal.blogspot.com.br 

Contato: 
itaportugal@gmail.com 
No facebook .

Todos os direitos autorais reservados a autora.

0 comentários: