Exposição “DON QUIJOTE DE LA MANCHA” [Revista Biografia]

Quadro "Don Quijote" de Rogério Dias
Exposição “DON QUIJOTE DE LA MANCHA”
 
Data: 14 de agosto/13 – 19 horas.


Local: Instituto Cervantes - . R. Ubaldino do Amaral, 927 - Alto da Glória, Curitiba.


Don Quijote de la Mancha é um dos personagens mais famosos da literatura mundial. Foi criado pelo escritor espanhol Miguel de Cervantes. Quijote de la Mancha com seu idealismo, com sua loucura e sua paixão pela bela Dulcineia e seus sonhos inspira artistas e poeta.  Ele luta contra os moinhos de vento, luta contra o cavaleiro dos espelhos, e sua luta não pode ser considerada inútil porque suas lições de idealismo, nobreza e coragem ainda ecoam no coração humano.


Carlos Zemek, curador do evento, quem já foi premiado pela UNAP (União Nacional de Artistas Plásticos) decidiu incentivar o imaginário dos artistas e reunir olhares e linguagens diferentes. As artes falam aos sentidos, mas também falam à sensibilidade humana.

 Carlos Zemek

Para o curador Carlos Zemek, a perspectiva do trabalho é também filosófica, pois neste mundo globalizado a voz de “Don Quijote” faz lembrar que o consumismo é outra maneira de “insanidade”. O importante é compreender que a insanidade do personagem de Cervantes representa a luta do homem para transcender o quotidiano. O ideal confrontando-se com mundo objetivo.


O público poderá apreciar trabalhos de artistas plásticos, fotógrafos, poetas e escritores, além de um de dança flamenca. O convidado especial é reconhecido artista Rogério Dias, quem já tem vários quadros inspirados nesse personagem.

Foram convidados também os artistas plásticos: Alexandre Bozza, Carlos Zemek, Celia Dunker,  Ivaní Silva, J. Bonatto,  Mercedes Brandão, Neiva Passuelo, Sandoval Tibúrcio, Valéria Sípoli e Vanice Ferreira.
 
Carlos Zemek e o ator Gerson Delliano

Os poetas analisaram a obra e a mensagem do livro "El ingenioso hidalgo don Quijote de la Mancha" para entender a filosofia dos personagens. A visão do mundo que a obra apresenta. Os poemas e textos frutos desse trabalho também estarão em exposição com arte digital. Participam  Ally Simões, Eduardo Bettega, Eliziane Nicolao, Elizabeth Inêz Espinosa, Isabel Furini, José Feldman, Lindsay Colle, María Manetti,Willians Mendonça. 


Excelentes poemas precisam de uma voz com força e emoção para emocionar o público. O convidado especial para realizar a leitura dos poemas é o ator de teatro e televisão Gerson Delliano.


A dança flamenca estará a cargo das professoras do Instituto Flamenco Brasileiro de Arte de Cultura de Curitiba. Também foi convidado o fotógrafo Neni Glock. 


Vernissage: 14 de agosto, a partir das 19 horas, no Instituto Cervantes, rua Ubaldino do Amaral, 927, Alto da Glória, Curitiba.


Entrada franca.



Revista Biografia

0 comentários: