30 músicos ou cantores antes de se tornarem famosos [Rafael Godoy de Almeida Pires]

Fonte da imagem: Digicolored
30 músicos ou cantores antes de se tornarem famosos

O mundo da fama é repleto de vaidade e ostentação, mas nem sempre os famosos do mundo musical foram colírio para os olhos. Na verdade, alguns eram bem bizarros

Por Rafael Godoy de Almeida Pires 

Se você tirar a poeira de um antigo álbum de fotos de quando era mais novo, provavelmente vai perceber que muitas fotografias “queimam” o seu filme — o rosto fica até vermelho de tanta vergonha. E o pior de tudo: são justamente estas imagens que a mãe gosta de mostrar para os amigos e namoradas. Sacanagem, não?

Com as celebridades musicais também não é diferente, chegando ao ponto em que muitos deles fazem de tudo para evitar que essas fotos comprometedoras circulem pela web. As transformações mais comuns acontecem no cabelo, nas roupas, mudança de peso e o estilo do artista de um modo geral.

Confira como eram alguns dos ícones — nacionais e internacionais — que mais fizeram ou ainda faz muito sucesso com suas músicas antes se tornarem famosos:


Fonte: Clube do Rei


Você tem ideia de quem seja este garoto franzino, todo arrumadinho e com uma leve “chuquinha” no cabelo com gel? Este é o rei Roberto Carlos! Quem o vê assim nunca iria imaginar que poucos anos depois de seu primeiro lançamento, em 1959, ele iria cair na graça dos corações brasileiros com letras românticas que seriam cantadas para sempre.


Fonte: MJ Site

Praticamente não existe alguma época em que Michael Jackson, o rei do pop, não fazia sucesso: desde os cinco anos de idade ele já estava tomando bronca de seu pai e dedicando boa parte de sua infância para cantar com seus irmãos no famoso grupo Jackson Five. Porém, o mundo inteiro sabe as inúmeras mudanças que ele passou na vida: cor da pele, traços do rosto, costumes e muito mais. Essa é uma foto de 1969, antes de toda a fama que ele poderia e iria obter, com méritos.


Fonte: Caixa Preta

Antes de se tornar um cara sombrio, cometer diversas loucuras no palco e cair no mundo das drogas pesadas, o “pai” do heavy metal, Ozzy Osbourne, era praticamente um galã de sua época adolescente. É fácil perceber como o tempo e o jeito de vida nada normal que ele levava fizeram com sua fisionomia se tornasse totalmente danificada — tirando um pouco do cabelo, o resto está drasticamente diferente.


Fonte: Blog 98fm Curitiba

Bom, com certeza você já notou que o Belo nunca fez jus ao seu nome artístico, não é verdade? Mesmo depois da fama, ele ainda continuou um cara bem peculiar quando o assunto é “pessoas bizarras”. Porém, ao ver essa foto de quando ele era mais jovem — bem no início de sua carreira como pagodeiro —, percebe-se que ele era ainda pior! Nesse caso, talvez apenas um milagre possa resolver o problema.


Fonte: Boogie Man Journal

Não, esse não é o James Brown, mas até que poderia se parecer com ele nessa época (1976). Depois de uns anos, esse cara tirou o cabelo black power, o bigode sumiu e todo esse jeito “motown” deu lugar a roupas delicadas, retoques coloridos e o negão acabou se tornando o Prince, um dos artistas que mais faturou na música desde a década de 80.


Fonte: Bruno Mars

Fã incondicional de Michael Jackson desde pequeno, Bruno Mars sempre teve talento e, desde a sua infância, a família já sabia que esse garoto iria se tornar um dos cantores mais bem avaliados na história da indústria musical.


Fonte: S1 Notícias

Essa moça à esquerda tem feito muito sucesso no mundo do funk nos últimos meses, mas você sabe quem é? Calma, ela não era do É o Tchan! Chamada de “pensadora” em uma prova de vestibular e craque em mandar um “beijinho no ombro” das pessoas, essa é a Valesca Popozuda antes do glamour — com apenas 17 anos. De lá pra cá foram muitas mudanças em todo o seu corpo, estilo de roupa e tudo que o existe à disposição das mulheres para dar aquele retoque no visual.


Fonte: Folha

Calma, não é a Maria Bethânia! Esse é o Slash, famoso guitarrista desde o final dos anos 80 pra cá — formou com Axl Rose uma das maiores bandas do planeta: o Guns N` Roses. Antes de seu sucesso absoluto, ele não andava por aí com a sua famosa cartola preta na cabeça, muito menos com a camiseta do Pepe Le Gambá, suas marcas registradas no auge da fama.


Fonte: Kolacs

É difícil imaginar que esta pequena garota — toda arrumada para uma apresentação com sua turma de coral — viria a se tornar uma artista com uma carreira de tanto sucesso, mas tão curta. Essa é a Amy Winehouse em seus tempos de menina — longe do alcoolismo e outros vícios que ela teria anos mais tarde, culminando na sua morte aos 27 anos de idade.


Fonte: Blog Sweet Rock´n´Roll

Conhecida como a “rainha do rock nacional”, era com esse look que a Rita Lee circulava nas ruas em meados de 1965 — no início de sua carreira junto ao grupo “Os Mutantes”. Perceba que ela não tinha muitas extravagâncias na cor do cabelo e também não usava aqueles óculos escuros estilo “Janis Joplin”, uma de suas principais características ao longo das décadas.

Fonte: ATRL

Antes de obter a fama mundial com sua música e casar-se com o zagueiro do Barcelona — Piqué —, a mulher que possui o rebolado mais sensual no meio artístico não tinha o cabelo loiro, a cintura justa e não saía hipnotizando a todos com sua dança do ventre. Assim era a Shakira, a cantora latina mais famosa da História.


Fonte: Tumblr Youngcelebirdies

Você sabe quem é esse cara que está tocando baixo? Antes de fazer muito sucesso com seu estilo de cantar e com a distorção de sua guitarra, o ícone mais famoso da música na década de 90 ainda não sabia tocar direito e teve suas primeiras aulas em um instrumento com menos cordas do que aquele que ele viria a tocar depois. Este é o Kurt Cobain, mais um astro que entrou pro clube dos que se mataram aos 27 anos, apenas.


Fonte: Paraiba.com.br

Sucesso absoluto no atual circuito do sertanejo universitário, este garoto loiro com uma franja no estilo “a vaca lambeu” é o Michel Teló, que nessa época cantava com um grupo chamado “Santo Chão”, em 1997. Nessa época, ele tinha apenas 17 anos e já despontava com uma promessa nesse estilo musical.


Fonte: R7

A fama já trouxe muitas mudanças boas no visual de muitos artistas que eram “estranhos”, pra não dizer irreconhecíveis. Um bom exemplo disso é o caso do Gusttavo Lima: sim, é ele nessa foto! Desde que começou a se tornar famoso após seu primeiro disco em 2009, este rapaz deu uma reviravolta brusca em seu visual, sendo apontado como um dos “gatinhos” atuais do cenário brasileiro.


Fonte: Blog Badbloodreadingseries

Sorriso inocente no rosto, brincos normais, cabelo repartido, sem maquiagem e com sobrancelhas grossas: assim era a diva Madonna antes de atingir a fama. Desde lá foram muitas mudanças, principalmente nas cores e cortes do cabelo, roupas, feição do rosto e o figurino, que continua cada vez mais arrojado e com um forte apelo sensual.


Fonte: Blame it on the voices

Antes de estourar nas paradas de sucesso pop com o Black Eye Peas, a cantora Fergie não tinha o corpo modelado, pelo contrário: é fácil perceber que o sucesso fez muito bem pra sua cintura, que hoje em dia é fininha.


Fonte: Quem

Antes de se tornar uma das melhores cantoras em território nacional, Ivete Sangalo exibia seu corpo de adolescente em desfiles de moda — sempre com um ar de timidez na cara. Hoje em dia, ela é uma das artistas mais descontraídas do país. Ela não mudou muito — continua com um tom de humildade no visual —, mas acabou ganhando um corpão depois da fama.


Fonte: The Vogue Vibes

Antes de conquistar o mundo e serem reconhecidos por suas famosas composições, os amigos de infância Keith Richards e Mick Jagger eram apenas dois adolescentes querendo fazer rock´n´roll na Inglaterra, lá no começo dos anos 60. Depois de muitas brigas e acertos de contas, a banda The Rolling Stones já completou mais de 50 anos de carreira e eles ainda continuam firmes na ativa.


Fonte: Beatles Source

Essa foto foi tirada no final dos anos 50 e já mostrava que os garotos de Liverpool iriam realmente impactar na música. Nessa época, George Harrison, John Lennon e Paul McCartney faziam parte do Quarry Men — grupo que iria se desmanchar e acabar formando a banda mais famosa do planeta, The Beatles. Os reis do “iêiêiê” sempre foram comportados no figurino, como todo bom garoto faz. Contudo, os topetes já começavam a indicar a personalidade forte dos meninos — algo maior estava para vir.


Fonte: Blog Flitparalisante

Hoje vista como uma das mulheres mais lindas do Brasil e com uma voz impressionante, esta era a Claudia Leitte antes do sucesso. Atualmente, com visual renovado e cada vez mais presente na mídia, ela arrasta milhões de pessoas para ir atrás de seu trio elétrico nos carnavais e até conseguiu uma vaga como jurada do “The Voice Brasil”.

Fonte: Listal

O rapper Eminem nem sempre foi aquele cara bombado, cheio de tatuagens pelo corpo e com cara de mau, muito pelo contrário: antes de fazer sucesso, ele tinha uma aparência bem “nerd”, era magro, tinha o cabelo preto e ainda usava uma camiseta rosa do seriado “Alfie, o E.Teimoso”.


Fonte: Taliabloodina

Acreditar que essa linda mulher iria se tornar uma das artistas mais bizarras do mundo pop não é fácil. Os traços perfeitos do rosto, o cabelo liso, o corpo esbelto e a sensualidade de Lady Gaga deram lugar aos figurinos — cada vez mais inusitados — extravagantes e a mudança geral em seu visual, chegando ao ponto que, hoje em dia, ela nem parece mais a mesma pessoa.


Fonte: Terra

Antes de aparecer em rede nacional para o Brasil inteiro na exibição da primeira edição do famoso festival Rock In Rio (1985), ninguém sabia quem era Herbert Vianna — líder dos Paralamas Do Sucesso. Ele era magrelo, com cabelo e um par de óculos que iria se tornar sua marca nos anos 80. Depois do acidente sofrido no seu ultraleve em 2001, a cadeira de rodas acabou mudando muito a fisionomia desse grande compositor.


Fonte: Veja

Antes de se tornar um dos frontmen mais famosos do mundo e embaixador da ONU, o vocalista Bono Vox e sua trupe — a famosa banda de pop/rock U2 — era um menino que circulava nas ruas de Dublin (Irlanda) com sua jaqueta de couro e seu cabelo característico do começo dos anos 80. Mais de 30 anos depois, o cabelo já quase não existe, o visual está bem mais moderno e é difícil vê-lo sem os seus famosos óculos escuros, que fazem parte da sua personalidade desde as turnês na década de 90.


Fonte: Tumblr Fuckyeahspookykids

Marylin Manson nunca foi uma pessoa de aparência comum, mas antes de atingir o sucesso ele era menos “anormal”. Aliás, nessa época ele nem tinha esse nome, sendo apenas Brian Warner, um simples metaleiro nas ruas americanas. Com o tempo, a fama fez ele se tornar um verdadeiro símbolo do mundo dos artistas bizarros: as roupas estranhas, a maquiagem de “prostituta” e as atitudes bem peculiares ajudam a firmar essa imagem não muito agradável.


Fonte: Blog Arquivodosambarock

Quem iria imaginar que, depois de seu primeiro compacto em 1963, esse cara iria se tornar um dos ícones mais famosos na história da música brega no Brasil. Nessa época, Reginaldo Rossi era novo, usava uma roupa bem simples e não tinha a fama de usar as tradicionais camisas inusitadas que são comuns no reduto brega. Falecido em 2013, tenha certeza de que existem muitos garçons que ainda o querem ver sentado em alguma mesa de bar.


Fonte: Favim

Essa é a Janis Joplin, no meio da década de 60. Note que uma das mulheres mais irreverentes na história da música mundial não tinha aquele visual hippie, muito menos usava o cabelo solto e bagunçado. Nessa época, ela não se vestia com aquelas roupas coloridas e também não usava os seus famosos óculos redondos e coloridos — marca que virou parte de sua personalidade e até nos dias atuais influencia a moda de muitos roqueiros e roqueiras mundo afora.


Fonte: Open Culture

Elvis The Pélvis sempre foi conhecido por seu requebrado, roupas exuberantes e o clássico topete armado. Antes de fazer sucesso em meados dos anos 50, ele já se apresentava em diversas casas já com uma roupa diferente e o vozeirão de sempre, mas sem a marca registrada de seu topete — esta moda iria acontecer em 1958.


Fonte: Spoki

Essa é a nova diva da música que já entrou pra História, devido ao seu carisma, potencial na voz e performances espetaculares ao vivo. Você sabe quem é ela? Antes de abandonar o grupo Destiny`s Child e seguir com uma carreira solo de muito sucesso, Beyoncé Knowles era uma mulher franzina e não exibia tanto o seu corpão pelos palcos do mundo.


Fonte: 1200 Squad

Quem iria dizer que esse meninão “bonito” demais iria se casar com a Beyoncé? Talvez nem a mãe Dináh iria conseguir fazer uma previsão dessas, não é verdade? Mesmo antes de se tornar um dos rappers e empresários mais famosos do mundo musical, Jay-Z já era metido a usar “colarzão” e “dentes de ouro”, mostrando que ele não estava brincando com a arte de fazer rap.


E você, leitor, se lembra de alguma personalidade no mundo da música que mudou drasticamente depois da fama?

Fonte:Twistedsifter, Caras ,Folha, Vírgula, Oba Oba, Gente, R7, Snakkle
Mega Curioso

0 comentários: