Photoshop: mocinho ou vilão? [Angélica Pina]


Photoshop: mocinho ou vilão?

Há muito se discute sobre o uso do Photoshop na Publicidade. Fala-se da criação de estereótipos e da construção de imagens “perfeitas”, que fazem com que os “meros mortais” se sintam feios e complexados, já que os retoques feitos pela ferramenta estão sempre produzindo pessoas mais magras, com a pele sem nenhuma imperfeição (e geralmente mais clara), com cabelos maravilhosos e por aí vai. 

A questão é que, em certos casos, o Photoshop é utilizado da maneira errada e o resultado acaba sendo desastroso! Um caso recente que ilustra muito bem esse tipo de desastre é a última campanha da marca C&A, estrelada pela Preta Gil, que pode ser vista nos catálogos impressos e na página do Facebook da empresa no seguinte link:

Special For You by Preta Gil

A coleção “Special for you” é destinada a mulheres que vestem manequim entre 46 e 56, ou seja, numeração maior do que as modelos super magras usam. Por isso a escolha de Preta Gil, já que ela se enquadra na categoria chamada plus size. O problema é que a obstinação pelo culto à magreza acabou levando os profissionais da edição a cometerem sérios erros, alterando o corpo da modelo de forma exagerada e, em algumas fotos, até desproporcional.



Nessa foto fica nítida a tentativa de afinar os braços e as pernas de Preta. Se a coleção é para mulheres com mais curvas, a pergunta é: qual a necessidade de diminuir as da modelo?




Essa foi a foto que gerou mais polêmica e repercussão nas redes sociais. Até mesmo o mais desatento observador consegue perceber a assimetria nos ombros da fotografada. Chega a ser inadmissível que essa imagem tenha sido aprovada para veiculação por uma empresa de tal porte. Porém, a mesma foi procurada para se pronunciar e a declaração dada foi de que não houve problema na edição e sim a exploração de um ângulo que causou essa impressão.

Sendo assim,ficamos com a reflexão sobre o quanto as fotos que vemos estampadas nas mais variadas mídias são reais ou manipuladas e o quanto isso é válido. Na minha opinião, o Photoshop é uma ferramenta fantástica que permite muitas coisas interessantes, mas, como quase tudo na vida, deve ser utilizado com moderação!


Angélica Pina, de Belo Horizonte-MG, é graduada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela PUC-MG.
Apaixonada por livros e por propagandas desde criança, também adora escrever e compartilhar suas opiniões a respeito desses dois assuntos.




0 comentários: